Emojis: a linguagem que ampliou a maneira de se comunicar na web

12:21

foto:cnbc.com

Quem tem costume de navegar pela Internet e acessar as redes sociais, sabe que há uma nova forma de comunicação que está pela web. Os emotions – mais conhecido por emoji, encontrada pelo dicionário desde 1997, teve uma maior utilização desde os últimos anos, segundo informações da Oxford Dictionaries Corpus.


Emojis é uma opção que usuários das redes sociais costumam usar para expressar sentimentos na Internet. Muitas vezes, quando não se sabe o que vai escrever, é comum o uso de emojis que, em alguns casos, falam por si só.

Segundo dados do blog da Oxford Dictionaries, os emojis passaram a existir desde o final da década de 1990, porém neste ano de 2015 o seu uso ficou mais contínuo. Pode-se concluir que, é mais comum, as pessoas utilizarem um emojis quando querem expressar algum sentimento de felicidade ou tristeza, ou ainda, para falar de algum acontecimento de sua vida.

O emojis que expressa sorriso foi o mais utilizado neste ano, de acordo com o blog Oxford Dictionaries, correspondendo a 20% de todos os emojis usados no Reino Unido e 17% dos Estados Unidos. Se um usuário do Facebook quiser expressar, por exemplo, que uma situação é muito engraçada e que ele está chorando de rir, existe um emojis, bastante usado, que é chamado de ‘cara com lágrimas de alegria’


Faz-se necessário usar moderadamente os emojis

Bárbara Chassot

A estudante Bárbara Chassot contou que costuma usar emojis frequentemente em suas publicações, tanto no Facebook como WhatApp. “Às vezes para expressar alegria, ou algo que tu está sentindo ao longo da conversa”, explicou.

Jéssyca Sacchi
A psicóloga Jéssyca Sacchi, de 25 anos, costuma usar os emojis, porém não com muita frequência nas redes sociais, apenas quando ela quer expressar, em alguma fotografia, na qual não julga necessário inserir legenda escrita. A psicóloga explica que se não houvessem emojis, as pessoas seriam levadas a refletir melhor sobre o que gostariam de dizer, pois “o emojis deixa uma mensagem subentendida,  que não se sabe exatamente o que o outro quer dizer, mas que muitas vezes acontece de uma forma sem constranger tanto”.  

Segundo Jéssyca, eles (os emojis), são uma ferramenta útil, que ao mesmo tempo que diverte, pode fazer com que a conversa ou o conteúdo fique mais leve. “São muito utéis quando você não sabe o que dizer”, porém, ela acrescentou: -"Acredito somente que deve ser usado com moderação, pois pode não deixar tão claro a mensagem que você quer enviar”.

Para se expressar bem sobre o que se pensa sobre um determinado assunto, a psicóloga explica que, faz-se necessário pensar sobre ele e qual a mensagem que se quer transmitir para com o mesmo. Quando for falar com alguma autoridade, o ideal, segundo Jéssyca é não usar a linguagem das ‘carinhas’, mas falar da forma mais clara e culta possível, pois assim a conversa não terá erro de interpretação. “Ao usar emojis deve-se considerar que os outros podem não interpretá-los da mesma forma que você, por isso expressar sua opinião utilizando muitas carinhas, pode dar abertura para interpretações errôneas para quem lê a mensagem”, explanou. Ela ainda orienta: -“Acredito que a utilização dos emojis deve ser usada em situações mais descontraídas e informais”, finalizou.

E, você em que situações costuma fazer uso de emojis? 







You Might Also Like

0 comentários

Follow on

Siga o Entrelinhas

Inscreva-se no canal